ALPHA NEWS

17 maio 2017 - 11:00
Ex-prefeito de Santo Antônio do Descoberto é alvo de operação

Hoje de manhã uma operação foi deflagrada na cidade de Santo Antônio do Descoberto, no entorno de Brasília. O principal alvo da operação é o ex-prefeito da cidade, Itamar Lemes do Prado. Ele é suspeito de fraudar licitações que teriam provocado um prejuízo de cerca de R$ 1 milhão aos cofres públicos.

15 maio 2017 - 13:00
Força de Segurança Nacional patrulha rodovias federais que cortam o RJ

As rodovias federais que cortam o Rio de Janeiro já contam com o reforço de homens da Força de Segurança Nacional. O objetivo da força-tarefa é combater o roubo de veículos e de cargas. Os trechos monitorados são a Rodovia Presidente Dutra, Avenida Brasil e Washington Luís. Ao todo, 425 homens foram deslocados para o estado a pedido do governador Luiz Fernando Pezão e devem permanecer no Rio por pelo menos 90 dias. A expectativa é que a presença da Força Nacional reduza índices de criminalidade nas regiões consideradas críticas e que foram mapeadas pela Secretaria Estadual de Segurança.

15 maio 2017 - 11:00
Moro nega pedido de defesa de Lula

O pedido apresentado pela defesa do ex-presidente Lula e pelo Ministério Público Federal para que mais testemunhas sejam ouvidas na ação que envolve o tríplex do Guarujá foi negado pelo juiz Sérgio Moro. Além de negar os pedidos, Moro definiu a data para as alegações finais que acontecerão no dia 2 de junho. A decisão foi publicada hoje no sistema eletrônico da Justiça Federal. O juiz Sérgio Moro alegou que nos pedidos faltaram informações das testemunhas como nomes completos e telefones. Moro diz ter indeferido os pedidos por deficiência no requerimento e falta de necessidade da prova. Lula é suspeito de ter recebido propina da OAS através da doação do apartamento que fica no litoral paulista.

12 maio 2017 - 18:43
Mônica Moura diz que Lula queria ser o candidato do PT nas eleições de 2014

Em um dos trechos da delação da marqueteira Mônica Moura divulgados hoje, ela afirma que o ex-presidente Lula queria ser o candidato do PT às eleições de 2014 e que esse desejo causou stress entre ele e a ex-presidente Dilma Rousseff. Segundo Mônica Moura, Dilma não aceitou abrir mão da candidatura. Por causa desse estremecimento entre os dois, Mônica afirma que Lula não se envolveu financeiramente na campanha de 2014. Ele apenas gravava vídeos de apoio à então candidata à reeleição Dilma Rousseff.

12 maio 2017 - 18:40
Ataque cibernético atinge mais de 74 países incluindo o Brasil

Um grande ataque cibernético atingiu hoje pelo menos 74 países, entre eles o Brasil. Os ataques invadiram empresas e usuários individuais. A informação foi divulgada por uma empresa de segurança russa. Na Inglaterra os principais alvos foram hospitais públicos, causando cancelamento de atendimentos e confusão no tráfego de ambulâncias. Aqui no Brasil os sites do Ministério Público e do Tribunal de Justiça, em São Paulo; da Petrobras; do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte e do Sergipe; e do INSS em todo o país foram tirados do ar por precaução ou por suspeita de invasão.

12 maio 2017 - 16:40
Delação de marqueteiros cita 16 políticos

Além dos ex-presidentes Lula e Dilma, outros 14 políticos são citados nas delações dos marqueteiros João Santana e Mônica Moura. Entre eles, cinco possuem foro privilegiado no Supremo Tribunal Federal. São eles: Gleisi Hoffmann, Lindbergh Farias, Vander Loubet e Zeca do PT, todos do Partido dos Trabalhadores, e Marta Suplicy, do PMDB. Em função das duas delações, o ministro Edson Facchin  determinou que 21 providências sejam tomadas pelo STF. João Santana e Mônica Moura são investigados por suspeita de recebimento de dinheiro de caixa dois como forma de pagamento pelos trabalhos realizados em campanha eleitorais.

12 maio 2017 - 15:20
Caixa começa a cumprir novo calendário de pagamentos do saldo do FGTS

A Caixa Econômica Federal liberou hoje mais um lote de pagamentos do saldo inativo das contas do FGTS. De acordo com o calendário, podem sacar trabalhadores nascidos em junho, julho e agosto. Para atender a demanda, as agências da Caixa abriram nesta sexta-feira em horário especial com atendimento a partir das 8 horas da manhã. Esse mesmo horário vai na segunda e na terça-feira da semana que vem. Amanhã as agências vão funcionar em esquema de plantão das 9h às 15h.

12 maio 2017 - 13:00
Favorecimento do BNDES à empresa JBS é investigado

A empresa JBS é novamente alvo de investigações. Desta vez por suposta fraude em empréstimo junto ao BNDES. A Polícia Federal cumpre nesta sexta-feira mandados no Rio de Janeiro. De acordo com as investigações, a fraude pode ter causado prejuízo de cerca de R$ 1,2 bilhão aos cofres públicos. Os empréstimos irregulares teriam sido concedidos em junho de 2007 para que a JBS adquirisse empresas no mesmo ramo de atuação estimadas em R$ 8,1 bilhões.  As buscas de hoje acontecem na casa de Joesley Batista, presidente do conselho de administração da JBS, e na casa de Luciano Coutinho, ex-presidente BNDES.

12 maio 2017 - 11:00
Polícia prende menores envolvidos em uma série de crimes

Na manhã de hoje, dois adolescentes de 16 anos foram presos pela Polícia Civil de Goiás. O casal é suspeito de praticar arrastões e roubos de veículos na capital e em Aparecida de Goiânia. De acordo com as investigações, os dois integram uma quadrilha que teria praticado 12 crimes em 2 dias. Mandados de internação provisórias foram expedidos contra os menores. Mais três pessoas faziam parte do grupo. Dois deles foram mortos em dezembro durante uma troca de tiros com a PM. Os 12 assaltos ocorreram entre os dias 26 e 28 de novembro do ano passado.

11 maio 2017 - 16:40
Facchin quebra sigilo das delações de João Santana e Mônica Moura

O sigilo das delações premiadas dos marqueteiros João Santana e Mônica foi suspenso hoje pelo ministro do Supremo Tribunal Federal, Edson Facchin. Na delação, João Santana afirma que o ex-presidente Lula tinha conhecimento dos pagamentos feitos ‘por fora’ para as empresas dele mantidas no exterior. João Santana disse ainda que o ex-ministro Antonio Palocci sempre afirmava que as decisões definitivas de campanha dependiam da palavra final do chefe e que esse chefe seria Lula. João Santana e Mônica Moura foram os marqueiteiros das campanhas eleitorais do PT à Presidência da República em 2006, 2010 e 2014. Já sobre a campanha à presidência da Venezuela, Mônica Moura  afirmou que o atual presidente venezuelano Nicolás Maduro pagou  US$ 11 milhões durante a campanha de Hugo Chavez em 2012. Segundo Mônica, o pagamento a ela e a João Santana também foi ‘por fora’. Mônica Moura diz ter recebido mais US$ 9 milhões de empreiteiras que contribuíram com a camonha de Chavez. A marqueteira também contou detalhes de negociações da campanha ao governo de Minas Gerais envolvendo o governador Fernando Pimentel e o então candidato Patrus Ananias.


ACONTECEU

AO VIVO | CLIQUE E OUÇA!

Estilo em sintonia com você!