ALPHA NEWS

22 março 2019 - 13:00
Delegado Valdir diz que congresso não é subordinado a Bolsonaro

O deputado federal pelo PSL de Goiás, Delegado Valdir, que é líder do partido na Câmara, disse que o governo precisa dar explicações sobre a proposta de reestruturação da carreira militar. O texto causou mal-estar porque prevê uma economia de R$ 97,3 bilhões, mas um investimento no setor de R$ 86,6 bilhões, gerando uma possível economia líquida de cerca de R$ 10,5 bilhões em uma década. A proposta da reforma da previdência tinha sido entregue ao congresso no mês passado, mas faltava no conteúdo a parte que se referia aos militares. Delegado Valdir afirmou que o Congresso é independente e não é subordinado ao ministro Paulo Guedes ou ao presidente Jair Bolsonaro.

22 março 2019 - 11:05
João de Deus deve ser transferido para hospital de Goiânia

O médium João de Deus deve ser internado em um hospital daqui de Goiânia. A determinação é do ministro do Superior Tribunal de Justiça, Nefi Cordeiro, que atendeu a um pedido da defesa. Os advogados solicitaram que a internação se estenda por quatro semanas, de preferência no Instituto Neurológico, que fica no setor Bueno. Eles alegam que o cliente sofre de vários problemas de saúde e precisa de acompanhamento médico. João de Deus está preso desde o dia 16 de dezembro do ano passado. Ele é acusado da prática de crimes sexuais e também de posse ilegal de armas.

22 março 2019 - 11:00
Temer passa a noite em sala com cerca de 20 metros quadrados

O ex-presidente Michel Temer passou a noite em uma sala da superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro. A sala, de cerca de 20 metros quadrados, fica no terceiro andar do prédio, possui banheiro privativo, frigobar e ar condicionado. Um aparelho de TV deve ser instalado no local. Temer chegou ao Rio no final da tarde de ontem depois de ser detido em São Paulo e passar algumas horas na delegacia da PF que fica no Aeroporto Internacional de Guarulhos. O ex-presidente Temer vem recebendo o mesmo tratamento concedido ao ex-presidente Lula preso e na sede da PF em Curitiba há quase um ano.

21 março 2019 - 18:40
Temer é suspeito de chefiar esquema de corrupção

O ex-presidente Michel Temer é suspeito de chefiar um esquema de corrupção que chegou a movimentar R$ 1,8 bilhão em propinas. A afirmação é do MPF do Rio de Janeiro. As investigações apontam que a quadrilha monitorava agentes da Polícia Federal. Temer, Moreira Franco, ex-ministro das Minas e Energia, e o coronel João Baptista Lima Filho, amigo ex-presidente, foram presos hoje de manhã pela Operação Descontaminação, que é um desdobramento da Lava Jato. Os mandados de prisão foram expedidos pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro. Temer foi preso em São Paulo, quando saía de casa, e levado para a delegacia da Polícia Federal que fica no aeroporto internacional de Guarulhos. Depois de ser ouvido e passar por exame de corpo de delito, o ex-presidente seguiu de avião para o Rio de Janeiro, local onde a ordem de prisão foi expedida. A prisão do ex-presidente é preventiva, ou seja, com prazo indeterminado. Temer responde ainda por outros 9 inquéritos. Cinco deles tramitam no STF. Temer se tornou o segundo presidente do Brasil a ser preso por crime comum. O ex-presidente Lula está detido desde abril do ano passado.

21 março 2019 - 16:40
Nova Zelândia cria lei que proíbe venda de modelos específicos de armas

A venda de armas semiautomáticas de estilo militar e de fuzis foi proibida na Nova Zelândia. A medida é uma resposta ao atentado da semana passada contra duas mesquitas, que deixou 50 pessoas mortas e dezenas de feridos. Tornar a legislação sobre a posse e porte de armas mais dura foi uma promessa do governo. Também foi anunciada a proibição de equipamentos que convertem armamentos comuns em armas semiautomáticas militares. A nova lei entra em vigor no dia 11 de abril.

21 março 2019 - 15:20
Todos Pela Educação analisa desempenho de alunos em matemática

O movimento Todos Pela Educação divulgou o resultado de um estudo sobre a qualidade do aprendizado de matemática. Foi analisado o desempenho de alunos do 3º ano do ensino médio. O levantamento aponta queda de 0,7 ponto percentual entre 2007 e 2017. O resultado ainda é mais preocupante quando analisado apenas o desempenho dos alunos das escolas da rede pública. Nesse caso, a queda foi de 4%. Goiás teve resultado positivo de 6,01% e no ranking geral ficou em terceiro lugar atrás do Espírito Santo e Minas Gerais. O movimento Todos Pela Educação se baseou em dados do Sistema de Avaliação da Educação Básica.

21 março 2019 - 13:05
Reajuste da Saneago pode ficar para 2020

A revisão do valor da tarifa cobrada pela Saneago, que deveria ocorrer neste ano, deve ficar para 2020. O pedido de prorrogação do prazo será enviado à AGR. A Saneago quer contratar uma consultoria para o cálculo do índice de reajuste. De acordo com o calendário atual, a tarifa deveria ser reajustada no dia 1º de julho.

21 março 2019 - 13:00
AM tem surto de H1N1

No Amazonas o número de casos de mortes por H1N1 já chega a 28. O estado ainda tem 110 casos da doença confirmados. Manaus é a cidade mais afetada. Por causa do surto, a campanha de vacinação foi antecipada na capital e em outros 33 municípios.

21 março 2019 - 11:20
Ex-presidente Temer é preso

O ex-presidente Temer foi preso. Também está sendo cumprido um mandado de prisão contra o ex-ministro de Minas e Energia, Moreira Franco. Os mandados têm ligação com a força-tarefa da Lava Jato e foram expedidos pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro. A localização do ex-presidente Temer vinha sendo rastreada desde a semana passada. Temer responde a dez inquéritos e é um dos alvos da Lava Jato no Rio. Ele é investigado por corrupção passiva. Em delação, José Antunes Sobrinho, dono da Engevix, diz ter pago R$ 1 milhão em propina numa transação que envolveu Moreira Franco com o conhecimento de Temer.

21 março 2019 - 11:00
Tem início investigação sobre ameaças a ministros do STF

Mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos hoje em São Paulo e Alagoas como um desdobramento do inquérito que investiga ofensas aos ministros do Supremo Tribunal Federal. Ontem o ministro Alexandre de Moraes designou dois delegados para as investigações. A abertura do inquérito foi anunciada pelo ministro Dias Toffoli como uma necessidade de apurar notícias fraudulentas, ofensas e ameaças. A decisão de Toffoli recebeu críticas de procuradores da República que atuam na Lava Jato, juristas e de alguns integrantes do STF.


ACONTECEU

AO VIVO | CLIQUE E OUÇA!

Estilo em sintonia com você!